Performance da Habitação no 4º trimestre de 2018

Os dados disponibilizados agora sobre o ano de 2018 vêm confirmar o que já se sente no terreno desde o pós-verão:

  • Melhor ano de sempre, com preços médios a subir há quatro anos consecutivos, e volume de transações a subir desde 2013.

Mas o mercado já está a mudar:

  • Já é real a mudança de mercado, com os valores médios de transação a baixar 2,61% face ao trimestre anterior, sendo que na A. M. Lisboa desceram 4,05%.

 

Vejamos os números então.

Fonte – INE (Indice Preços Habitação)

 

No último trimestre de 2018, a taxa de variação homóloga do IPHab fixou-se em 9,3%, mais 0,8 p.p. que no trimestre anterior. O crescimento dos preços das habitações existentes (9,5%) foi mais intenso que o das habitações novas (8,5%).

São já 4 anos consecutivos de subida deste índice, tendo terminado o ano nos 132,34, o seu valor mais alto desde que há registo.

 

Fonte – INE (Índice Preços Habitação)

 

Não é de estranhar pois que o 4º trimestre tenha sido outro período muito forte de transações de habitações, seja em valor, seja em quantidade. No período em análise foram transacionados 46.421 fogos totalizando 6,18 mil milhões de euros.

 

Fonte – INE (Índice Preços Habitação)

 

Face ao trimestre anterior, foi registada uma subida de 1,06% em quantidade e uma descida de 1,58% em valor, o que levou à descida do preço médio de transação em 2,61% para 133.048€ por cada alojamento (em média).

De notar que, também face ao trimestre anterior, registou-se uma quebra nas transações na Área Metropolitana de Lisboa com descidas de 4,73% em quantidade e 8,59% em valor, levando a uma quebra do preço médio de venda em 4,05%. Isto foi reflexo da performance dos imóveis usados que registaram descidas de 9,95% em valor (2,6 mil milhões € vs 2,3 mil milhões €).

Em termos homólogos, o 4º trimestre cresceu 9,37% (42.445 vs 46.421) em quantidade e 10,71% em valor (5,58 mil milhões € vs 6,18 mil milhões €), com o preço médio a registar uma subida de 1,23% para 133.048€.

Fonte – INE (Índice Preços Habitação)

 

No cômputo geral, foram transacionadas 178.691 habitações em 2018 totalizando 24,06 mil milhões €, o que representa um crescimento de 16,57% e 24,42%, respetivamente, face a 2017.

Desta forma, 2018 foi o ano com o valor mais alto registado desde a criação deste índice, e já representa o sexto ano seguido a crescer!

 

0
André Maia

André Maia

Consultor Imobiliário da Home Hunting, especialista no concelho de Lisboa. Apaixonado por números e conhecimento, tem mais 8 anos de experiência como consultor no setor da Banca, ligado a projetos de tecnologia e risco. Adora poder dar o seu contributo e está sempre pronto a ajudar, estando habituado a que o seu trabalho tenha um impacto grande na vida das organizações e das pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Post comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Está a um passo de receber todas as
novidades da Home Hunting!