João Nunes (PROAP): “Felizmente não vivemos numa cidade demasiadamente rica, só suficientemente rica para se estar bem”

O arquiteto paisagista que deixou a sua marca em Lisboa com a Requalificação dos Espaços Públicos da Ribeira das Naus e a ETAR de Alcântara foi o convidado do episódio 27 do podcast Pod’Entrar.

João Nunes, fundador do Atelier da PROAP, este à conversa com Clara Moura no podcast sobre os agentes de mudança de Lisboa para falar sobre os principais projetos que desenvolveu na capital portuguesa ao longo dos últimos 30 anos, sobre a paixão pela cidade (que diz ser a mais bonita do mundo), sobre arquitetura paisagista e a relação com a arquitetura, sobre o futuro da cidade e do país.

Lisboa, uma “cidade despida de preconceitos”

João Nunes é alfacinha de gema. Nasceu em Lisboa, e, por mais que a carreira internacional o leve a viajar frequentemente, esta continua a ser a sua metrópole favorita.

A escala da cidade é, para o arquiteto, um elemento fundamental para a construção da beleza de Lisboa, uma vez que permite, num pequeno passeio a pé, estar em zonas distintas com sensações diferentes, como afirmou na conversa do Pod’Entrar: “É uma cidade que tem uma escala que permite ser apropriada em que pequenos passeios de uma maneira muito fácil, muito confortável”.

Além disso, é uma capital livre, onde há liberdade, uma zona “cada vez mais despida de preconceitos” que, por isso, atrai cada vez mais pessoas.

“Melhor, mais integra, com menos zonas escuras, com menos pobreza, com uma relação mais livre entre as pessoas”. João Nunes (PROAP) sobre como sonha Lisboa

A paixão pela Arquitetura Paisagista

Movido pelo desejo de “fazer coisas maravilhosas com pouquíssimos recursos”, João Nunes destaca o jardim do Parque do Tejo e do Trincão como um exemplo da arquitetura que teve um investimento reduzido, mas que, em contrapartida, é uma obra impactante. Para haver termo de comparação, o arquiteto salienta que esta obra foi feita com um terço dos gastos que a Gulbenkian necessita para se manter, por ano.

Embora, o arquiteto revele que atualmente o que mais o desafia são os projetos construídos com poucos meios, foi no Jardim da Gulbenkian que João Nunes encontrou a sua vocação, ficando rendido a um dos jardins mais emblemáticos do movimento moderno, em Portugal, e uma referência para a arquitetura paisagista.

Para o fundador da PROAP, o espaço projetado na década de 60 pelos arquitetos paisagistas António Viana Barreto e Gonçalo Ribeiro Telles é um excelente exemplo da natureza construída pelo Homem, que mediante a sua conveniência e lógica, faz com que naturezas não naturais funcionem como as naturais.

Os Projetos Arquitetónicos que Mudaram a Cidade

Num currículo com mais de 30 anos de experiência nacional e internacional destacam-se, na capital, projetos como a Requalificação dos Espaços Públicos da Ribeira das Naus, o Parque do Tejo e do Trancão e a ETAR de Alcântara.

 

O projeto de Intervenção do Parque do Tejo e do Trancão demorou 10 anos a estar concluído. / Fonte: PROAP

 

A Requalificação da ETAR de Alcântara foi um projeto de João Nunes em colaboração com Aires Mateus e Valssassina. / Fonte: PROAP

 

O projeto de Requalificação da Ribeira das Naus começou em 2009. / Fonte: PROAP

 

Como se mede o sucesso de um projeto?

Para o arquiteto, o sucesso de um projeto público vê-se nas diferentes formas de utilização que esse espaço passa a ter e que se fundem com o modo de agir do público. Um exemplo desta simbiose é visível na Ribeira das Naus, quando os visitantes se aproximam da água, motivados pelo chão suave e pela imensidão do Tejo.

João Nunes no Pod’Entrar

Além de fundador da PROAP, Atelier de Arquitetura Paisagista, João Nunes, licenciado em Arquitetura Paisagista pelo ISA e mestre na Escola Técnica Superior d’Arquitectura de Barcelona, leciona na Academia de Arquitetura de Mendrisio, na Suíça.

Durante a hora de conversa do Pod’Entrar, João Nunes e Clara Moura falaram sobre a Lisboa de João e sobre a sua visão da cidade e do mundo. A conversa deambulou ainda sobre o futuro, o que está a ser “bem pensado” em Lisboa e o que há ainda por fazer nos próximos anos.

Ouça a entrevista de João Nunes no Pod’Entrar: AQUI

Pod’Entrar: conhecer Lisboa sem sair de casa

O Pod’Entrar convida os ouvintes a viajarem por Lisboa, à boleia das inquietações de quem tem como missão transformá-la. Clara Moura –fundadora da Home Hunting – conversa com agentes de mudança que se dedicaram a transformar uma rua, um bairro, uma comunidade, um setor. Da cultura à arquitetura, da geografia ao desporto – sem esquecer o imobiliário, claro – há muitos segredos alfacinhas por descobrir nestas conversas.

Uma ótima forma de desfrutar do tempo, a aprender e abrir horizontes sempre em boa companhia.

Onde posso ouvir o Pod’Entrar?

Além do nosso canal no Youtube da Home Hunting, o Pod’Entrar está ainda disponível em todas as plataformas de podcasts. Pode ouvir todos os episódios no SpotifySoundcloudGoogle Podcasts, Apple Podcasts e muito mais.

Gostou desta conversa? Partilhe connosco o seu momento favorito nos comentários!

0

Home Hunting

Somos a sua agência imobiliária de Lisboa. Somos o seu parceiro imobiliário de confiança e fazemos pelo seu imóvel, um serviço de excelência. www.homehunting.pt/pt/agencia-imobiliaria-online

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Está a um passo de receber todas as
novidades da Home Hunting!